Notícias

Acompanhe as novidades sobre o mundo dos vinhos.

5 tendências do vinho para 2019 – Do vegano à cannabis

Com a chegada do verão cada vez mais próxima, existe uma grande tendência de aumentar a procura por casamentos, festas, happy hours e encontros de fim de semana para se beber vinho em geral.

Listamos aqui as Top 5 Tendências para 2019 no mercado de vinhos e como os empresários estão incorporando essas tendências no seu programa atual de vinhos.

Vinho Vegano

Não se surpreenda ao ouvir seu cliente perguntando se o vinho que ele pediu é vegano. Pode parecer estranho, mas muitos vinhos não são obrigatoriamente veganos. É claro que o vinho em si não contém carne ou produtos lácteos, porém, os agentes derivados desses produtos estão freqüentemente envolvidos no processo de aceleração na produção.

Durante essa fase, um “agente de limpeza” é adicionado ao vinho, que se liga a substâncias indesejáveis, como taninos e proteínas. Essa reação cria moléculas maiores que se instalam no fundo muito mais rapidamente do que os métodos tradicionais. Os ingredientes mais utilizados são as de bexigas de peixe, gelatina (de partes de vaca / porco cozidas), clara de ovo e caseína (proteína de leite animal). Os vinhos veganos, em contrapartida, substituem esses aditivos de produtos animais por alternativas à base de argila ou carvão.

Quando o refinamento é concluído, o vinho é filtrado para separá-lo da camada de sedimentos na parte inferior, e é por isso que “agentes de limpeza” nunca são listados no rótulo dos ingredientes. Os vinhos veganos ganharam popularidade à medida que os consumidores se tornam mais preocupados com aditivos e estão mais conscientes do processo de vinificação.

Vinho Laranja

Um tipo de vinho que muitas vezes usa pouco ou nenhum aditivo é o vinho laranja, que ganhou popularidade nos últimos anos. Embora o vinho laranja exista há séculos, datando de 5.000 anos no Cáucaso (atual Geórgia), recebeu recentemente mais atenção porque acredita-se que ele tenha um processo mais natural de produção.

O termo “vinho laranja” é um pouco confuso, porque na verdade não é feito de laranjas. O vinho é feito de uvas brancas, mas tem um sabor muito diferente do vinho branco regular. O sabor tem sido descrito como “robusto e arrojado, com aromas de jaca, avelã, castanha, maçã, verniz de madeira, óleo de linhaça, zimbro, massa fermentada e casca de laranja seca”

Os sabores nos vinhos laranja são muito sutis quando servidos gelados e se abrem quando o vinho fica mais quente. Os vinhos laranja são melhores servidos a cerca de 12º C, tornando-se uma excelente alternativa aos vinhos brancos tradicionais, além de ser uma estratégia divertida para mostrar na WineStation para os clientes experimentarem.

Vinho Infundido com Cannabis

A tendência do vinho com cannabis é difundida na Califórnia, esta opção é para você que está procurando uma alternativa ainda mais diferente para o vinho branco.

É claro que existem leis para controle desta substância e somente quem vive em um estado legalizado (fora do Brasil), poderá experimentar o vinho com infusão de cannabis.

A maioria destes vinhos está disponível como vinhos brancos como Sauvignon Blanc e Chardonnay, mas ao contrário dos vinhos brancos tradicionais, estes vinhos de cannabis não contêm álcool. O Projeto de Lei da Assembléia da Califórnia No. 2914 proíbe “um comerciante de vender, oferecer ou fornecer um produto de cannabis que seja uma bebida alcoólica, incluindo uma infusão de cannabis ou cannabinoides derivados de cânhamo industrial”. Os vinhos de Cannabis têm sido descritos como tendo um sabor que lembra o vinho branco, porém com os efeitos da maconha.

Vinhos com infusão de cannabis ainda são uma indústria muito nova e nebulosa, principalmente no Brasil que possui regras específicas para a maconha. Como o estigma em torno da maconha diminuiu, também diminuíram as preocupações dos consumidores em experimentar tais produtos.

Tecnologia – Aplicativos de Vinhos

Comprar vinho pode ser complicado tanto para iniciantes como para conhecedores. Encontrar um vinho para acompanhar a sua refeição, tentando lembrar o nome da garrafa da noite anterior são apenas alguns dos desafios que os compradores de vinho enfrentam regularmente, mas atualmente, quando há um problema, provavelmente há um aplicativo disponível que pode te ajudar.

A Vivino é um aplicativo que facilita a compra de vinho, oferecendo a seus usuários acesso a um amplo banco de informações sobre vinhos. Os usuários digitalizam rótulos de vinhos para obter detalhes, como avaliações de especialistas e outros usuários, preços, combinações de alimentos e os locais mais próximos para comprar. Eles também podem solicitar diretamente de seu telefone.

O aplicativo se tornou imensamente popular desde a sua criação em 2011, aumentando sua base de usuários de 12.000 para mais de 35 milhões e recebendo 20.000 novos membros e 100.000 avaliações de vinhos por dia. Referido como o “Shazam dos vinhos”, o Vivino é agora considerado o melhor aplicativo de digitalização de vinhos com a “maior biblioteca de vinhos do mundo”.

Tecnologia – Wine Bars com autosserviço

Os wine bars com autosserviço são uma tendência emergente no mundo do vinho que permite uma experiência mais considerável com varietais e opções únicas, como as tendências de vinho de verão mencionadas acima. Bares em todo o mundo estão instalando máquinas de autosserviço da WineStation, por sua capacidade de servir doses precisas e personalizadas, prolongar a vida útil de uma garrafa aberta e fornecer dados valiosos de vendas e insights sobre perfil de consumo.

Os equipamentos de autosserviço de vinho, como a WineStation, aprimoram a experiência geral do cliente, permitindo que os usuários escolham o que querem, quando querem e estimulam a exploração. Os clientes podem servir-se usando um cartão especial que lhes dá acesso ao equipamento. Isso permite que o cliente explore vinhos novos e diferentes e fornece à equipe a capacidade de mudar seu foco para outras demandas de seus clientes.

Como resultado, as empresas estão economizando tempo, aumentando os lucros e obtendo dados valiosos sobre as preferências de vinho de seus clientes. Descubra as próprias microtendências da sua empresa e o que é vendido ou não entre seus clientes. Descubra novos varietais e vinhos premium que antes exigiam muita cautela ao servir.

Também vale a pena notar que os consumidores estão acreditando cada vez mais nessa tendência, instalando adegas e WineStations em suas residências. Com os entusiastas do vinho aumentando sua coleção particular, não será uma surpresa se o investimento em conservação de suas garrafas também cresça.